Relatório confirma: App Store continua obtendo maiores receitas que Google Play

Mesmo com o recente crescimento e grande expansão dos telefones Android, a loja de aplicativos Google Play gera menores receitas que a App Store, da Apple.

Hoje em dia existem menos usuários de iOS do que usuários de Android, o número talvez minta um pouco sobre a realidade, pois a grande oferta de telefones baratos com Android limita o orçamento dos usuários na hora de comprar aplicativos, isto se reflete portanto nos rendimentos bem diferenciados entre as lojas.

Um relatório da Distimo revelou esta semana um comparativo entre a App Store e sua maior concorrente, a Google Play. Confira os números:

Google Play gera menores receitas que a App Store

O sistema operacional móvel Android passou recentemente o iOS da Apple em número de usuários, este grande crescimento do robô certamente distorce a realidade, pois o número de usuários de Android não significa diretamente que são usuários de smartphones ou tablets topo de linha, comparáveis aos iPhones e iPads.

Em grande maioria os usuários de Android possuem celulares baratos, falsos smartphones que na verdade são subutilizados, somente para WhatsApp e Facebook.

Sabemos que os usuários de iPad e iPhone podem contar com muito mais que isso, é por esta razão que eles são mais ativos na loja de aplicativos, comprando mais e gerando receitas muito mais altas para a Apple, diferentemente dos usuários da loja Google Play.

Os números confirmam que a App Store segue firme e forte liderando o mercado de aplicativos móveis.
Crescimento das lojas App Store e Google Play nos últimos seis meses.

O relatório da Distimo afirma que as receitas da Google Play aumentaram significativamente nos últimos meses, chegando a um crescimento de 67% nos últimos 6 meses e 11% no último ano, enquanto a App Store da Apple, que acabou de completar 5 anos de existência, cresceu somente 15% nos últimos 6 meses e 3% neste último ano.

Mesmo assim, a App Store ainda gera mais receitas que a Google Play.

Como podemos ver, muitos paradigmas são quebrados aqui, primeiramente que o número de usuários de Android é maior que o de iOS, tudo bem, em dispositivos sim, mas em qualidade?

Estamos falando de um sistema completamente segmentado em que a maioria dos dispositivos vendidos já sai defasado de fábrica, sem receber a última versão do sistema e tampouco atualizações. São poucos os bons dispositivos Android, aqueles que possuem a última versão do sistema e recebem constantes atualizações, como os dispositivos Apple. É por esta razão que é sempre difícil comparar um sistema com o outro, aqui não há melhor ou pior, são dois sistema completamente diferentes, pensados para públicos bem diferentes.

Outro ponto marcante é que os usuários da Apple gastam mais na loja de aplicativos, isso demonstra que são usuários mais ativos, que buscam constantemente aproveitar ao máximo seus aparelhos, que compram mais aplicativos que os usuários de Android.

Um destaque do relatório é sobre o Top 10, os aplicativos mais baixados, o grande campeão na App Store é o Candy Crush, gratuito na loja porém bastante salgado no bolso, como comentei outro dia no iPadDicas para que um usuário possa avançar no jogo precisa ser bastante mão aberta.

diferenca-ios-android-usuario

Jogos como o Candy Crush ou Clash of Clans são boas demonstrações do que os usuários de iOS buscam, diversão, games que podem ser testados, logo com o gosto de jogar não se importam nem um pouco em pagar por vidas virtuais, moedas e benefícios.

Embora os números ainda expressem uma vantagem da App Store sobre a Google Play, certamente a Apple irá trabalhar neste aspecto, com a finalidade de retomar sua liderança, não somente em vendas de aplicativos mas também em número de usuários da loja.

Debate:

  • Você já teve a oportunidade de testar um smartphone Android?
  • Qual é sua opinião sobre o sistema?
  • E sobre a oferta de aplicativos?

Leia também:

Comentários: