Oito anos atrás foi apresentado ao mundo um dispositivo que mudou nossas vidas, e tantas outras pessoas, independente da marca de celular que utiliza.

Chegava no mercado, das mãos de Steve Jobs, o iPhone. Um celular estranho, sem teclado físico, que inclusive foi motivo de piada por parte de grandes CEO, como Steve Ballmer da Microsoft.

Foi num 29 de junho lá no ano de 2007, que a Apple lançou o iPhone de primeira geração (aparelho que me orgulho de ter ainda hoje), com uma tela enorme para o padrão da época, com um revolucionário sistema de toques multi-touch e a ausência de um teclado físico.

Parte da indústria ficou perplexa com a apresentação, foram realmente pegos de surpresa, empresas como a Nokia e BlackBerry dominavam o mercado naquela altura. Ditas empresas não conseguiram reerguer-se até hoje.

8 anos de iPhone

O primeiro iPhone foi um lançamento exclusivo para as redes da AT&T, nos Estados Unidos. Logo depois veio o lançamento para outros países, como no Reino Unido, França, Alemanha em novembro de 2007.

O modelo de 8GB chegou custando 599 dólares, realmente uma fortuna para aquele momento, mas que hoje se tornou um preço padrão de mercado. Steve Ballmer, da Microsoft inclusive riu desse preço e do novo telefone, certamente ele não se imaginava que o iPhone iria se tornar o telefone inteligente mais popular do mundo.

Hoje esse preço é inferior ($199) graças aos contratos com operadoras, mas no início aquele era o preço mesmo com um contrato de 2 anos.

O iPhone completa seu oitavo aniversário justamente um dia antes da liberação de um novo serviço, que será uma nova revolução no mercado. Estou falando do Apple Music, que virá juntamente da atualização ao iOS 8.4

Veja Steve Jobs anunciando o primeiro iPhone em 2007:

Genial relembrar esse anúncio épico, genial rever Steve no palco.
Parabéns iPhone, parabéns Apple, tudo mudou de lá para cá e graças a este dispositivo o mundo tem hoje à disposição centenas de outros dispositivos, inclusive smartphones Android sem teclado.

De lá para cá foram vendidos milhões e milhões de iPhones, se tornando o smartphone mais popular do mundo, gostaria de relembrar alguns dos momentos em que iPhone recebeu novidades e se transformou novamente:

  • iPhone: o primeiro smartphone com tela multi-touch do mundo;
  • iPhone 3G: o primeiro era 2G (edge), chegou nele o 3G;
  • iPhone 3GS: recebeu nesse momento a habilidade de filmar (câmera de vídeo);
  • iPhone 4: bem-vinda Retina Display;
  • iPhone 4S: chegou a Siri!
  • iPhone 5: tela maior, de 4 polegadas;
  • iPhone 5S: chegou o Touch ID;
  • iPhone 5C: disponível em cores;
  • iPhone 6: tela de 4,7 polegadas;
  • iPhone 6 Plus: tela de 5,5 polegadas;

O iPhone também ajudou muito na criação do iPad, na verdade contam algumas vertentes de que o iPad foi “criado” antes do iPhone, mas Steve tinha um pouco de receio que o público não visse a real utilidade de um dispositivo táctil com tela tão grande.

iphone-6-6plus-5s-5c

Surgiu a ideia de introduzir o conceito em um dispositivo menor, que seria mais facilmente aceito pelo mercado, surgiu o iPhone.

Três anos depois, foi anunciado o iPad, em 2010. Realmente as críticas foram péssimas no início, mas a Apple provou aos analistas de plantão que eles não sabem analisar nada, o tablet se tornou extremamente popular e inspirou-me para abrir este blog.

O resto da história vocês já sabem! 😃

  • Deixe sua mensagem, conte-nos quando comprou seu primeiro iPhone, qual era o modelo, capacidade, cor.
  • Enfim, conte-nos sua história de amor com seu iPhone!

Grande abraço, até já.

Crédito da foto do topo: iMore

21 COMENTÁRIOS

  1. Meu primeiro iPhone foi um 4 preto de 16GB, entrou na minha vida aos 13 anos no Natal de 2010. O cuidado excessivo que eu tinha com ele chegava a ser cômico, ninguém encostava, dormia com ele dentro da caixa ao lado da minha cama, limpava quase todos os dias com paninho de óculos e tinha até um pincel para limpar os alto falantes e microfone, ficar sem capa? Nunca, mas esse relacionamento durou até meados de 2011 quando fui furtado.

  2. Comecei com um iPhone 3GS, um pouco tarde, pois comprei quando estava sendo lançado o 4s em 2011, mas de lá pra cá só fui fazendo upgrades: Comprei o 5c Amarelo em 2013 e atualmente tenho o iPhone 6… no início também achei grande demais… mas depois de um tempo acho o tamanho o ideal para o dia a dia, ainda mais pra pessoas como eu que tem problemas de visão e gostam de ficar o tempo “livre” que tenho entre casa/trabalho para colocar as notícias, emails e coisas assim em dia.
    Não vivo mais sem minha Maça… por mais q reconheça que há vários aparelhos tão bons quanto, gosto da facilidade, praticidade e segurança que a Apple trás, além do atendimento que não tem igual.

  3. Meu primeiro iPhone foi um 3G preto, comprei sem saber o que era iPhone kkkkkk, em 2009.
    De lá para cá, e só iPhone, iPad e iPod

  4. Olá André! Tudo bem?!
    Uma dúvida, no vídeo de lançamento do iPhone, está escrito, patenteado, isso quer dizer que ele detém a tecnologia e que todos que fazem telas touch precisam pagar a Apple para usar essa tecnologia? Seria por isso que a Apple ganha tanto dinheiro assim?!
    Saberia informar quanto por cada aparelho?
    Grande abraço!!

    • A tecnologia patenteada foi a do multi-touch, até hoje tenho dúvidas sobre isso. Na verdade acredito que o touch seja liberado, mas o multi-touch não.

      Já tentou num Android abrir a “multi-tarefas” e fechar 2 aplicativos de uma vez? Não dá, pois seria multi-toque.

      No iOS tu pegas dois dedos e fechas duas janelas, pegas 3 dedos, fechas 3.

      Sei lá, é confusa essa história de patentes.
      Abraço.

  5. Ganhei meu primeiro iphone da empresa onde trabalhava. Isso foi em 2011. Era um modelo 4. De lá pra cá foram muitas aventuras. Perdi o aparelho numa viagem aos EUA. E tinha aproveitado a ida para comprar um 5 (acho que na verdade ele ficou magoado pela minha troca e resolver imigrar por lá… rs rs). Depois de um ano de uso, perdi novamente meu aparelho, num taxi a caminho do aeroporto. E comprei meu atual modelo, um 5C. Nesse tempo todo, já comprei um 4S pra minha filha e pro namorado. E o vício tomou conta da família. Infelizmente, os preços estão tão elevados que terei que desistir da maçã. É uma pena, mas meu bolso não comporta mais um iphone.

  6. O primeiro iPhone que vi ,confesso ,olhei e amei a primeira vista ,mas pensei ,nossa acho que nunca conseguirei usar um destes .Um tempo depois lançaram o iPhone 3GS e tomei coragem e comprei ,bom só para esclarecer ,cheguei em casa e comecei a mexer ,e virei a madrugada empolgada em ver como era fácil e genial ,bom depois que rsrs ,mordi a maçã ,nunca mais a deixei ,passei por todos ,4,4s,5,5s,e hoje 6plus ,fora os iPads e claro um Mac Pro ..enfim APPLE ..não vivo sem vc !!

  7. Tenho hoje um Iphone 5S 16Gb, mas meu primeiro foi um iPhone 4 comprado no Canadá em 2010. Depois de ter comprado em 2005 meu primeiro iPod, nunca mais quis saber de outra marca. Hoje tenho iPhone, iPad, iPod, AppleTV, Airport Extreme… Adivinha de quem comprarei os proximos? ;o) Ótimo Post. Parabéns, André!

    • Pois é, eu também sou bem fã.
      Aqui temos tudo Apple, incluindo os computadores.
      Minhas últimas compras foram o iMac e o iPad Air 2, estou esperando ansioso pelo iPhone 7 pois comprarei de certeza.

      Não gostei muito do Apple Watch e nem estou pensando em comprá-lo, mas talvez leve ele junto, pois o blog merece comentários mais pertinentes sobre esse aparelhinho.

      Abraço.

  8. Caro André,
    Quanto à postagem, tenho um iPhone 5, 64GB, preto. Gosto do tamanho da tela e ainda estou satisfeito com a performance dele.
    Acho o 6 muito grande, dificulta para transportar.
    Pena que o poder de compra dos brasileiros caiu muito, desde 2014, e está muito caro comprar um produto Apple.
    Parabéns pelo blog!!!

    • Pois bem Janio, também pensei que o iPhone 6 era grande, nem quis um, compramos para minha esposa.
      Eu continuo com o iPhone 5S. Hoje pego o dela na mão e adoro… mas vou esperar o iPhone 7 que chegará em setembro, assim, mantenho sempre a última geração na casa.

      Abraço.

  9. Caro André,

    Sei que são muitos pedidos de ajuda, mas é que tenho um iPad 2, 64GB com 3G e, de repente, ele não mais reconhece a conexão com meu roteador da GVT.
    Essa mesma conexão coma GVT faço com meu iPhone 5 e com o iPad 2 da minha mulher.
    Esse mesmo meu iPad 2 capta e funciona bem com o roteador Velox e com qualquer outro, menos com esse meu da GVT.
    Notei que até o verde do símbolo do app Spotify ficou mais escuro que nos outros iDevices.
    Vc imagina o que pode estar ocorrendo? Seria algum tipo de vírus? Se sim, há como rodar um antivírus no iPad? Se não, o que fazer para reaver a conexão wi-fi com a GVT???
    Atualizei do iOS7 por 8 e nada. Já fiz todo tipo de redefinições e nada. O que mais posso fazer???
    Grato por sua atenção!

  10. Uma pequena correcção… em Portugal foi lançado em Julho de 2007.
    E eu tb ainda tenho completamente operacional o meu 3G… love it. 🙂

Comments are closed.