A transmissão ou streaming de vídeo ao vivo já é uma funcionalidade implementada em diversas plataformas como Facebook, Twitter e Youtube. Era apenas uma questão de tempo para que as “lives” chegassem também ao Instagram. Kevin Systrom, CEO da empresa, confirmou em uma entrevista ao site Financial Times que a opção será adicionada ao aplicativo.

“O “Live” é realmente emocionante para nós. Eu acho que ele pode melhorar o que estamos fazendo. Se estou tentando fortalecer os relacionamentos com alguém que amo, o streaming de vídeo ao vivo seria uma maneira incrível de estar mais perto deles.”, comentou Kevin.

O recurso vazou no site russo T Journal, quando um leitor notou um ícone diferente aparecendo em uma atualização, aparentemente por engano. O ícone foi exibido com uma tag “LIVE”, aparecendo na aba superior do app e ao lado da fileira de Instagram Stories. A transmissão deve ser ativada selecionando uma opção na câmera.

Além de trazer um senso de imediatismo para compartilhar experiências com familiares e amigos, a transmissão ao vivo também provou ser uma ferramenta valiosa para programas jornalísticos, informativos e até mesmo eventos.

Ainda não há qualquer pista de quando o recurso será adicionado ao aplicativo, mas certamente não irá demorar muito, uma vez que o próprio Facebook – empresa responsável pelo Instagram – já utiliza a funcionalidade e tem conseguido popularizá-la de forma bastante considerável.

Uma atualização recente no Instagram adicionou o modo Boomerang – uma espécie de GIF -, links sobre o post e menções de usuários dentro do Stories. Em outras atualizações, foram adicionadas as Stories recomendadas, a capacidade de salvar rascunhos e zoom nas fotos e vídeos.

A decisão do Instagram em adicionar esse tipo de recurso é mais uma prova que a empresa está atenta aos concorrentes como Snapchat e Periscope, que ganham muitos usuários pelo fato de terem sempre conteúdo “fresco” e atualizado. A tendência do “ao vivo” é cada vez maior e um aplicativo com milhões de clientes como o Instagram não poderia ficar de fora. Levando em consideração a participação do app na rede de Mark Zuckerberg, podemos dizer que a novidade não foi tão surpreendente assim, já que o investimento nesse recurso é constante.

Comenta-se na internet quais seriam as reações disponíveis durante as transmissões ao vivo. Os tradicionais corações do Insta são os mais cotados.

Curtiu esse post? Compartilhe com seus amigos! Abraço e até a próxima.