Fonte: Pexels/rawpixel.com

Os celulares atuais podem ser cada vez mais tecnológicos e apresentar múltiplas funções. Entretanto, o custo disso geralmente é o tempo de vida útil da bateria. Se você lembrar bem, a bateria de celulares antigos facilmente passava das 24 horas de vida-útil – os de hoje dificilmente chegam nessa marca.

Isso acontece justamente pela quantidade de recursos disponíveis hoje, como opções de conexão Wi-Fi e Bluetooth, uso do 3G e 4G, display colorido e mais brilhante, pequena espessura, e ainda haver um poder de processamento incomparável aos antigos celulares. Além disso, agora temos milhares de aplicativos instalados em nossos aparelhos – e deixar muitos abertos ao mesmo tempo, mesmo sem uso, colabora para o gasto da bateria.

Outros aplicativos por si só, como os de transmissão de vídeos e os de jogos, por exemplo os do PokerStars, Candy Crush, Angry Birds, Netflix e YouTube tem mais demanda de recursos. O primeiro, inclusive, indica o uso do iPad para sessões mais longas, devido a maior vida útil da bateria desse aparelho, já que assim não há perigo dele desligar no meio de um campeonato. O mesmo pode ser útil para o NetFlix, para que nosso celular não desligue no meio de uma maratona.

No entanto, como nem todos têm acesso a tablets, é possível realizar algumas ações no seu próprio celular para ajudar a economizar bateria no dia-a-dia. A primeira dela, como já falamos, é fechar aplicativos que não estejam em uso no momento. Mesmo que irá usá-los depois, eles são facilmente abertos com um clique, então em vez de acumular milhares em segundo plano, após utilizar, feche cada um deles.

Fonte: Flickr/bigbestapps
Fonte: Flickr/bigbestapps

Ah, e você pode checar as aplicações que mais consomem energia do seu iPhone, já que às vezes alguns apps esquecidos e que nem usa estão, além de ocupando espaço, consumindo boa parte da bateria. Para fazer isso, basta entrar em Ajustes e clicar na opção Bateria, assim será exibida uma lista com a porcentagem gasta por aplicativo. Com isso você pode decidir por desinstalá-los ou fechá-los no momento.

Outra dica para economizar bateria é bem simples: diminua o brilho da tela. Você pode fazer isso diretamente na Central de Controle ou a partir de Ajustes > Tela e Brilho, arrastando o controle deslizante para a esquerda. Ainda há a opção de Brilho Automático, que usa sensores para ajustar o brilho de acordo com a luz do ambiente.

Para economizar o “gasto” pela tela, você ainda pode configurar o bloqueio automático após um período fora de uso, o que também é útil para proteger suas informações pessoais. Para isso, acesse Ajustes > Tela e Brilho > Bloqueio Automático e selecione o menor período de inatividade, que é de 30 segundos.

Muitas pessoas também deixam o wi-fi ou Bluetooth ligados o tempo todo, mesmo quando não estão em uso – uma das coisas que mais consomem a bateria do aparelho. Portanto, desabilite as conexões sem fio na Central de Comando do iPhone. Se estiver sem sinal, você ainda pode desligar o celular, já que a tendência é que ele fique tentando sem parar encontrar um sinal, gastando assim mais energia.

Fonte: Pexels/Stokpic
Fonte: Pexels/Stokpic

O iPhone também dispõe de um recurso bem propício para isso: o modo de economia de energia. Quando ativado, a capacidade de processamento do smartphone é diminuída e certos efeitos visuais e recursos em segundo plano do iOS são desativados, o que garante algumas horas a mais de uso. Para habilitar essa função, acesse Ajustes > Bateria e selecione o Modo de Pouca Energia.

Mais uma coisa a se fazer para manter seu aparelho um tempo maior longe da tomada é desligar as atualizações de segundo plano. Esse recebimento automático de dados pela rede do celular ou wi-fi continua sendo feito mesmo nos momentos mais indesejados.

Então vá para Ajustes > Geral > Atualização em 2º Plano, com isso serão exibidos todos os aplicativos atualizados frequentemente. Deselecione aqueles que você considera não ter tanta necessidade de atualizações automáticas.

Por fim, outra dica valiosa: desativar o serviço de localização quando não estiver usando recursos que utilizam GPS, como o Maps. Isso pois, para conseguir designar sua posição, diversos recursos do celular serão consumidos, inclusive, a energia! Para isso, acesse Ajustes > Privacidade > Serviços de Localização e desabilite este recurso. Essas medidas simples e fáceis garantirão um tempo precioso a mais para usar o seu smartphone.